Português

* Be the Change *
Somos uma iniciativa de ação coletiva e voluntária que tem a finalidade de inspirar pessoas a mudarem de atitudes e comportamentos, além de empoderar indivíduos, para que sejam, eles próprios, agentes da transformação de si mesmos e de suas comunidades.

Não temos qualquer ligação com iniciativas e/ou ideologias de cunhos político, privado ou religioso.

* Missão
A partir de nossas mudanças, transformar realidades e, assim, contribuir para um mundo mais justo e sustentável.

* De que maneira trabalhamos

Tendo como nossos, os objetivos do milênio da Organização das Nações Unidas (ONU), elencados: acabar com a fome e a miséria; educação de qualidade para todos; igualdade entre sexos e valorização da mulher; reduzir a mortalidade infantil; melhorar a saúde das gestantes; combater a AIDS, a malária e outras doenças; qualidade de vida e respeito ao meio ambiente; e todo mundo trabalhando pelo desenvolvimento. Vê-se necessário: o investimento da atuação cidadã, por meio da educação em termos gerais e a influência de boas práticas e do cuidado.

Be The Change tem como objetivo apoiar e incentivar micro e pequenas iniciativas que trabalhem na irradicação da miséria e da fome; com educação básica para crianças; que promovam a igualdade de gêneros e valorização da mulher; e/ou proteção ambiental. Buscamos contribuir com o desenvolvimento comunitário e sustentável em regiões de baixo IDH através da parceria e da elaboração de projetos com o foco na transformação e no impacto dessas realidades.

Para que o desenvolvimento comunitário seja de fato sustentável, a participação da comunidade em si é fundamental, já que a sustentabilidade só é alcançada quando esse processo pertence à própria comunidade e é gerido por ela. Por esse motivo, nossa proposta é estabelecer parcerias de curto prazo com micro e pequenas iniciativas e organizações com o intento de contribuir para a autogestão dessas e influir no desenvolvimento comunitário e sustentável em seu entorno.

A fim assegurar uma mudança efetiva e uma transformação saudável e sustentável na comunidade, cada projeto terá metas diferentes, entretanto o nosso foco de trabalho está:
• Ampliar as Políticas Públicas no combate a fome/pobreza em regiões de baixo IDH, por meio de ações e investimentos na área de educação, saúde, meio-ambiente e empreendedorismo;
• Parcerias com outras organizações e iniciativas para a aceleração do desenvolvimento comunitário e sustentável nessas regiões;
• Priorizar iniciativas que atendam: crianças, jovens e mulheres, grupos esses, mais vulneráveis à exclusão social.

Como agimos?
1º Buscamos incentivar pessoas a divulgarem e compartilharem iniciativas que realizem algum tipo de trabalho, alinhados aos nossos objetivos, e que impactam positivamente a comunidade em seu entorno;
2º A cada iniciativa escolhida, realizaremos um projeto coletivamente com: iniciativa escolhida, atores sociais locais e voluntários que queiram participar em seu desenvolvimento;
3º Arrecadação de fundos para a implemetação do projeto;
4º “Start” da implementação do projeto;
5º Acompanhamento e monitoramento do projeto junto a iniciativa. Por meio de um processo contínuo e integrado, pretende-se observar e aferir os seguintes indicadores:
• Alcance dos objetivos e metas;
• Aporte de recursos materiais;
• Cumprimento dos processos necessários para a eficácia do projeto;
• Observância de prazos para realização das ações/atividades;
• Uso racional dos recursos financeiros;
• Assimilação da filosofia de trabalho pelos agentes sociais e multiplicadores;
• Número de parceiros comprometidos e envolvidos na continuidade do Projeto;
• Nível de participação e interesse da sociedade civil no Projeto.
6º Avaliação. Ao final de um ano, a partir da data do “Start da implementação”, avaliaremos cada projeto, todo o seu processo, o resultado e o impacto social.

 

* Nós
História
Uma brasileira e um sueco que se conheceram no verão de 2011 em uma pequena ilha do Caribe. Não, eles não estavam de férias. O casal participava de um projeto em uma organização humanitária que realiza trabalhos voluntários ao redor do mundo. Após três anos de voluntariado no Caribe, na África, no Brasil e na Suécia, nasce o projeto “Be the Change”, tendo por bases experiências e sonhos do casal Bob&Taís.

Bob van den Eijkhof
Antropólogo com especialização em “Culture Shock”, Stockholm University. Realiza trabalho voluntário há 15 anos. De família cristã missionária, Bob já morou em cinco países de três continentes. Trabalhou como voluntário no Centro de Crianças de Madre Teresa de Calcutá, Índia; com agricultura e mídia, em Saint Vincent and the Grenadines; e com educação e mídia, em Moçambique; Hoje, na Suécia, Bob faz parte de uma organização humanitária que assiste a adolescentes e jovens refugiados.

Taís González
Jornalista. Realiza trabalho voluntário há 17 anos. Sua primeira experiência como voluntária foi em uma organização cristã para recuperação de dependentes químicos em Campinas, SP, Brasil. Em São Paulo, trabalhou no atendimento a pessoas em situação de extrema pobreza e em diversas áreas em organizações de proteção ambiental. Trabalhou com agricultura, reforma e mitigação de impactos ambientais em Saint Vicent and the Grenadines; Em Moçambique, realizou trabalho na área da educação, meio ambiente e desenvolvimento comunitário. Atualmente, na Suécia, é voluntária em duas grandes organizações ligadas à protecão do meio ambiente e ajuda humanitária.

Você…
Envolva-se, seja parte da mudança!

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s